Black Music ocupa o palco


Graça Cunha
Theo Werneck

No bar Pátio SP na voz de Graça Cunha e ao som de Theo Werneck

Público poderá curtir sucessos dos mestres da Black Music como Aretha Franklin, Billie Holiday, Ella Fitzgerald, Marvin Gaye, Michael Jackson, Nina Simone, Ray Charles, Sarah Vaughan e Stevie Wonder.

 

Às quartas, o bar Pátio SP – localizado na boêmia Vila Madalena – tem um projeto musical que abre espaço para variados estilos além dos já tocados na casa como o samba, MPB e sertanejo. E, amanhã, 07/03, será dia de Graça Cunha, ex-integrante da banda “Altas Horas”, do Serginho Groisman da TV Globo, cantar sucessos da Black Music.

O público poderá curtir sucessos dos mestres da Black Music como Aretha Franklin, Billie Holiday, Ella Fitzgerald, Marvin Gaye, Michael Jackson, Nina Simone, Ray Charles, Sarah Vaughan e Stevie Wonder.

Para deixar a noite ainda melhor, haverá a participação especial do badalado dj Theo Werneck, antes, durante e depois da apresentação da cantora. No set list estão previstos Brazilian Funky e soul 70’s/80’s, Tim Maia, Soul, R&B, Hip Hop, James Brown e Prince, por exemplo.

Werneck também é ator, produtor e pesquisador musical. Dj desde 1987, com mais de trinta anos de atividade profissional, continua discotecando, sempre com ênfase na música brasileira e planetária, suas influencias e ramificações. Como pesquisador musical fez o trabalho de pesquisa para o filme “Carandiru” de Hector Babenco.

Em 1997, trabalhou no Programa  H  ao lado de Luciano Huck, na tv Bandeirantes. Na mesma emissora, fez produção musical e trilha sonora para o programa Super Positivo. Como DJ trabalhou também no programa Charme, do SBT, e na TV Record no programa dominical Tudo é Possível. Atua nas festas SOULTREM DAS ONZE e Sambacana Groove como dj residente.

Para acompanhar a boa música, de terça à quinta, no happy hour das 17h às 21h, o Pátio SP tem rodízio de petiscos, a R$31,90. À vontade é servido  batata rústica, polenta frita, pastel misto, sanduba de carne-louca e coxinha de frango.

A casa não cobra entrada, apenas couvert artístico que, neste dia, será de R$ 20.

 

Pátio SP

A esquina das ruas Mourato Coelho com a Wisard já virou point na boêmia Vila Madalena. No ponto privilegiado, grandes portas envidraçadas separam a calçada do bar, que remete à descontração de uma praça: o Pátio SP, que completa uma ano em março.

Para Christian Caballero e Victor Gambardella, sócios da casa, o Pátio SP conseguiu conquistar o público que gosta de frequentar um ambiente bonito, que tem jardim vertical, grafite na parede, teto retrátil e mobiliário feito de pallets reciclados; com boa comida e bebida e música ao vivo eclética e de qualidade. “O bar é a cara de São Paulo, que prima pelo atendimento e onde o turista vai conseguir entender um pouco do paulistano”.

Na parte de coquetelaria, a ideia é oferecer bebidas e drinques que passeiam entre os clássicos, autorais e especialidades do Pátio SP. Uma seleção inspirada em pontos turísticos da cidade, como Viaduto do Chá e Pátio do Colégio, por exemplo, e em brasilidades, como a rapadura e a caipirinha fazem sucesso.

 

 

Pátio SP Bar

 

Horário de funcionamento: terça à sexta das 17h à 1h; sábado e domingo das 12h à 1h.

Cartão de crédito: Visa, Mastercard, Amex

Cartão de débito: Visa, Mastercard e Amex

Tickets eletrônicos: Não

Aceita cheque: Não

Valet: sim – R$ 25

Capacidade: 285 pessoas

Som ambiente: Sim

Música ao vivo: de quarta a domingo

Aceita reserva: Sim

Wi-fi: Sim

Mesas ao ar livre: teto retrátil

Acesso para deficientes: sim

Atividade para crianças: não

 

Related posts